Projepack
Post

Projepack consolida atuação no segmento da construção civil

Participação na Fesqua 2016 permitiu ampliar relacionamentos comerciais com especificadores de esquadrias, ferragens e componentes


Novas possibilidades de negócios e oportunidades de ampliar parcerias comerciais – esse foi o saldo da participação da Projepack na Fesqua 2016 – Feira Internacional de Esquadrias, Ferragens e Componentes, que ocorreu em São Paulo, no final de setembro. Exibindo a expertise de mais de duas décadas de especialização no desenvolvimento de máquinas para embalagens, a empresa aproveitou o encontro para consolidar sua atuação no mercado da construção civil.

No estande, exibiu aos visitantes soluções em logística interna e automatização de processos fabris – estratégias capazes de aumentar a produtividade e agregar competitividade industrial. Esses diferenciais mostraram-se especialmente atrativos perante o público, interessado em alternativas para tornar seus negócios ainda mais eficientes. ”Percebemos a clara disposição do mercado de esquadrias, ferragens e componentes em investir em tecnologias. Diante desse objetivo, a Projepack pôde apresentar-se como aliada, com larga experiência no desenvolvimento de soluções, inclusive personalizadas, para superar o desafio de ganhar competitividade. A participação na Fesqua foi uma boa oportunidade de mostrar esse trabalho a um novo e amplo segmento”, avalia o diretor, Roberto Trevisan.

Um dos destaques exibidos pela marca foi a série Modular Glass. Especialmente desenvolvida para o setor, possui capacidade para receber volumes de porte, sem perda de energia ou materiais. O conjunto trabalha com embalagens do tipo termoencolhível, formado por seladora e túnel de encolhimento. No processo o volume é deslocado pela esteira contra a cortina de filme e sua passagem é detectada por um sensor ótico. Na sequência do ciclo de envolvimento do volume, ele é deslocado para o túnel de encolhimento. Ideal para embalagens de vidros e esquadrias, a Modular Glass tem produção de até 03 volumes por minuto.

Outra solução que conquistou os fornecedores do ramo da construção civil foi a Série Compacta. Eficiente na sua função e inteligente na utilização de energia e matéria-prima, foi desenvolvida com o viés da versatilidade para embalar volumes desmontados. A máquina apresenta sistema termoencolhível de baixo consumo que otimiza e torna a produção muito mais ágil. No processo os volumes são envolvidos por uma camada de filme superior e outra inferior, fornecidos por bobinas independentes. Outro destaque está na Série Stretch capaz de agregar às indústrias mais eficiência e economia com o apelo extra da sustentabilidade. A linha de embaladoras chega ao mercado diferenciada pelo baixo consumo de energia em sistema contínuo de operação: 1 kW/h. A esse atrativo, agrega vantagens como ótima qualidade na amarração do volume e valor de aquisição competitivo, o que a torna um investimento adequado tanto para empresas grandes como de pequeno porte.

Outras informações sobre os equipamentos podem ser obtidas em www.projepack.com.br


Sobre a Projepack

A Projepack, de Bento Gonçalves (RS), compartilha com o mercado uma consolidada trajetória de sucesso marcada pela excelência no desenvolvimento de projetos e comercialização de máquinas para embalagens. Com mais de 20 anos de atuação, a empresa já contabiliza mais de dois mil e quinhentos equipamentos vendidos – indicador que comprova o potencial da marca. O reconhecimento nos negócios é consequência direta do compromisso que a Projepack assume em oferecer soluções em embalagens capazes de garantir economia e mais eficiência aos clientes. Seus produtos permitem aumentar a produtividade, reduzindo o consumo de matéria-prima e energia, numa fórmula com ganhos visíveis para as indústrias em termos de competitividade para conquistar bons negócios.


Recent Posts